× Bienal'19 Ci.CLO Bienal Adaptação e Transição Programa Mapa Residências Bienal Exposições Simpósio Oficinas Bolsas Equipa Diário Sobre CI.CLO Parceiros Notícias de Imprensa Faça Parte Imprensa Equipa Contactos

PT EN

Pierre Bastien

2 junho | 21h30

Nascido em 1953 (Paris), Pierre Bastien combina sons de trompete de bolso com um conjunto de autómatos musicais, construídos por si, desde há 40 anos, a partir de peças de Meccano e engrenagens ativadas por pequenos motores, capazes de desencadear movimentos e percussões. A colorida orquestra mecânica que daí resulta realiza aleatoriamente peças curtas, encantadoras e hipnóticas.

O seu território criativo é essencialmente um território literário. Alimenta-se do surrealismo e de toda a literatura de André Breton e Raymond Roussel, dos poemas desenhados por Francis Picabia e dos países imaginários de Henri Michaux. Internacionalmente reconhecido, a sua lista de colaborações é tão colorida quanto a sua música, incluindo os músicos Pascal Comelade, Robert Wyatt, Mats Gustafsson, o vídeo artista Pierrick Sorin, o estilista Issey Miyake, entre outros.


"One of the most influential experimental musicians working in the field" Cafe Oto